Vivemos num país extremamente competitivo e quem consegue um lugar ao sol no mundo dos negócios sabe que é necessário possuir uma visão macro do mercado para obter seus objetivos.

Para quem quiser se lançar no mundo virtual de fato, listamos abaixo algumas dicas que podem contribuir para o sucesso do seu negócio:

1ª Dica: Consulte um gestor com experiência na área ou realize um benchmark

A escolha de um bom produto com fornecedores de confiança é um dos pontos iniciais mais importantes. Não basta você abrir um negócio e colocar a venda qualquer objeto sem antes conhecer a procedência do mesmo. É necessário que, para isto, você tenha um profissional em gestão empresarial como aliado no seu negócio para entender os demonstrativos financeiros e calcular a entrada e saída do caixa inicial.

2ª Dica: Faça um planejamento estratégico

Antes de chegar ao sucesso no mundo das vendas online, você deverá fazer um bom planejamento, por mais que essa ação te exija conhecimentos de matemática, logística e precificação de produtos. Nenhuma empresa começou e prosperou sem um bom planejamento estratégico. Mesmo que este seja trabalhoso e que consuma algum tempo, será a base de todo o plano de negócios.

3ª Dica: Escolha uma boa plataforma de negócio

Tenha em mente que a escolha de uma plataforma acessível para o seu negócio é essencial e essa talvez seja uma das etapas mais desafiadoras de todo o processo de criação do e-commerce. Há muitas plataformas no mercado, portanto pesquise e tenha o máximo de certeza possível na hora de definir qual será utilizada.

Dê atenção tanto a parte Front End, que é a parte do sistema visualizada pelo usuário, como se fosse a vitrine de sua loja, como a Back End, ambiente interno e administrativo do sistema, onde são gerenciadas as informações de produtos, controle de estoque, recebimento de pedidos de compras, verificação de pagamentos, entre outras ações administrativas. Um ambiente amigável e prático para o usuário e para o gestor é um fator determinante para a escolha.

4ª Dica: Não se esqueça da logística

Onde fica seu depósito/estoque? Esse local é a melhor opção? Vale mais a pena realizar envios pelo correio ou contratar/fazer uma parceria com uma transportadora?

No momento da compra, o usuário deseja receber seu produto o mais rápido possível, da forma adequada e dentro do prazo prometido pela loja. Essa estrutura e organização, em muitos casos, chega a ser um ponto de definição de compra por parte do usuário. A confiabilidade que uma loja exerce frente ao seu cliente é o seu maior bem e, em caso de problemas, uma comunicação sincera com o comprador é fundamental.

Um planejamento que contemple prazos, custos e qualidade de entrega é essencial.

5ª Dica: Saiba definir valores

Analise os valores de cada produto de forma estratégica. Não basta ser o mais barato analisando a concorrência. É necessário um estudo aprofundado no que tange público alvo, mix de produtos, concorrentes diretos e indiretos, mark up entre outros indicadores. Produto que vende mais não é o mais barato, mas sim aquele que possui o melhor preço para cada público alvo. Ferramentas de monitoramento de preço no e-commerce auxiliam a precificação.

6º Dica: Contrate um profissional de SEO

As técnicas aplicadas do SEO (Search Engine Optimization) são as responsáveis por deixar o seu e-commerce bem colocado em sites de busca, como Google, por exemplo. Esse profissional do marketing irá pesquisar as palavras mais buscadas na internet e irá aplicar em sua página. Isso ajuda a você ter maior visibilidade, maior número de visitas e consequentemente, maiores vendas.

Assim como uma loja física necessita de um bom ponto comercial para obter sucesso, uma loja virtual necessita de uma boa posição nos resultados dos sites de busca.

7ª Dica: Acompanhe de perto os indicadores

Agora que você já conhece seus concorrentes, já identificou a política de preços deles, as marcas e os produtos e colocou em prática o planejamento estratégico é a hora de acompanhar e monitorar de perto todos os indicadores possíveis de venda e faturamento, dos concorrentes diretos e indiretos, das reclamações que vem do SAC, das opiniões dos consumidores nas redes sociais e sites de reclamações. Engana-se o empresário que acredita que uma vem feito o planejamento, já é garantia de sucesso. O planejamento necessita ser monitorado diariamente, semanalmente, mensalmente e anualmente. Somente assim será possível tomar decisões rápidas para reverter algum ponto negativo ou aprimorar um positivo que está funcionando.

Fonte: http://www.webglobal.com.br/blog/7-dicas-fundamentais-para-ter-um-e-commerce-de-sucesso/